segunda-feira, 28 de julho de 2008

Galeria em Londres expõe desenhos de Nelson Mandela;

Visao


Visão da cela de Mandela na prisão de Robben Island Para comemorar os 90 anos do ex-presidente sul-africano Nelson Mandela, uma galeria de artes de Londres inaugurou uma exposição com 15 litografias assinadas por ele, além de fotografias do consagrado fotógrafo e artista plástico Jürgen Schadeberg, que acompanhou Mandela durante anos.


As litogravuras foram feitas por Mandela entre 2001 e 2002 e retratam os anos em que ficou preso. Muitas delas fazem referência à prisão de segurança máxima de Robben Island, na África do Sul, onde ele passou 18 dos 27 anos de cárcere.

“As obras são de grande importância histórica já que nenhum outro chefe de Estado retratou suas experiências de vida de maneira tão poderosa”, diz a diretora da Belgravia Gallery, Anna Hunter, que adquiriu os trabalhos de Mandela em 2002.
A galeria pretende vender as obras por preços que variam entre cinco mil a quinze mil libras (aproximadamente de R$ 15,7 mil a R$ 47,3 mil) e doar os lucros para instituições de caridade na África e na Índia.

Show
O ex-presidente sul-africano está em Londres, onde festeja seu aniversário. Nesta sexta-feira ele participou de um show em homenagem a ele no Hyde Park, com a presença de cantores famosos com Amy Winehouse e a banda Sugababes.
Os lucros arrecadados com o show serão revertidos para a instituição beneficente 46664, fundada por Mandela para ajudar pessoas com o vírus HIV. O nome da instituição é uma referência ao número que ele recebeu na prisão.

Mandela foi condenado à prisão em 1964 por militar contra o apartheid. Ele só foi libertado em 1990, tornando-se, em 1994, o primeiro presidente negro da África do Sul.
Ele ganhou reconhecimento internacional por sua luta pela reconciliação entre brancos e negros de seu país.

Um comentário:

escaravelhoandarilho disse...

Muito interessante seu blog... Parabens ... http://escaravelhoandarilho.wordpress.com/